Dirigente do Lakers já tem CULPADO pelo fracasso do time na DeadLine

O Lakers não conseguiu realizar nenhum negócio nessa deadline e situação fica complicada e pode azedar a relação com LeBron James. Entenda.

À medida que a janela de transferências da NBA se fechava, o Los Angeles Lakers permaneceu inativo, apesar de ser frequentemente mencionado em rumores de mercado. Os bastidores revelam que o gerente geral Rob Pelinka pode ter enfrentado pedidos exorbitantes durante as negociações, levando à equipe a fracassar nesta deadline.

Rob Pelinka já achou um culpado para o fracasso do Lakers na Deadline da NBA

O que você vai encontrar nesta matéria

  • Gerente geral do Lakers, Rob Pelinka, enfrentou demandas de valores mais altos por jogadores de apoio de outras equipes.
  •  Termo “imposto dos Lakers” reflete as exigências inflacionadas em negociações comerciais com a franquia de LA.
  • Nenhuma movimentação foi realizada pela equipe até o fechamento da janela de trocas, com a diretoria optando por evitar transações imprudentes.

“Imposto dos Lakers” Pode Ser o Vilão por Falta de Acordos na NBA Deadline

Fontes próximas à liga, incluindo Jovan Buha do The Athletic, relataram que Pelinka lidou com pedidos financeiros que poderiam ser descritos como um “imposto dos Lakers“. As equipes, ao negociarem com o time californiano, aparentemente inflacionaram seus preços ao oferecer jogadores de apoio. Este fenômeno percebido sugere que o Lakers era visto como um comprador com capacidade para pagar mais, impulsionando as exigências de outras franquias.

Os potenciais alvos do Lakers – nomes como Dejounte Murray, Bruce Brown Jr., Dorian Finney-Smith, Tyus Jones e a dupla Alex Caruso e Andre Drummond – continuaram em suas respectivas equipes após o prazo, indicando que os valores solicitados estavam além do razoável para o Los Angeles Lakers.

Confrontado com um mercado que Pelinka descreveu como tendo “muitos poucos vendedores” e uma avalanche de compradores, os preços naturalmente sofreram um aumento significativo, o que tornou qualquer acordo potencial muito caro e arriscado.

Diante desta situação, a estratégia do Laker foi a de precaução.

Às vezes, nenhuma movimentação é melhor do que uma movimentação imprudente”, afirmou Pelinka.

Analistas e fãs do esporte permanecerão atentos à maneira como o Los Angeles Lakers irá se reestruturar, sobretudo levando em conta a possibilidade de LeBron James exercer sua opção de jogador e tornar-se agente livre na próxima agência livre.

Torcedor do LA Clippers. Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário