Quais os treinadores mais bem pagos da NBA na atualidade? Confira a lista!

Preparamos uma lista com os treinadores mais bem remunerados da atualidade e seus respectivos salários. Conheça todos os detalhes e surpreenda-se com algumas ausências.

O papel de um treinador principal da NBA vai muito além de treinar os jogadores, definir esquemas táticos, estudar adversários e fazer mudanças durante as partidas. O head coach também é responsável por manter a harmonia na equipe, garantido a moral elevada dos seus atletas e a confiança nos objetivos traçados.

O treinador está sempre à frente das decisões e costuma aparecer nos momentos mais delicados para explicar situações e contornar momentos difíceis, mantendo uma relação próxima com a imprensa e sendo o porta voz para os torcedores e fãs.

Talvez, por isso, essa função costuma ser bem remunerada dentro da NBA. É claro que não estamos falando de valores semelhante ao que ganham as grandes estrelas como LeBron James, por exemplo. Mas está bem acima da média salarial paga entre os jogadores “normais”.

Listamos os 5 técnicos mais bem pagos da atualidade para você ter uma ideia sobre a remuneração desse tipo de profissional na NBA. Acompanhe:

1 – Gregg Popovich (San Antonio Spurs)

A primeira posição do nosso ranking é ocupada pelo lendário técnico do San Antonio Spurs: Gregg Popovich. Ele comanda a equipe do Texas desde 1996 e tem a expressiva marca de 22 aparições seguidas nos playoffs.

Seu salário atual é de U$ 11 milhões por temporada.

Uma curiosidade sobre Pop (como ele é carinhosamente chamado) é que ele, desde 2017, acumula a função de treinador da seleção americana de basquete.

  • Idade: 72 anos
  • Período como treinador: 25 anos
  • Última equipe: San Antonio Spurs

2 – Steve Nash (Brooklyn Nets)

O técnico novato da temporada já figura entre os mais bem pagos da lista. Steve Nash está na sua primeira temporada como treinador principal do Brooklyn Nets e tem um trabalho altamente reconhecido – dirigindo estrelas como K. Durat, K. Irving e J. Harden.

Estima-se que o salário de Nash é de aproximadamente U$ 9,2 milhões por temporada.

  • Idade: 47 anos
  • Período como treinador: 1 ano
  • Última equipe: Brooklyn Nets

3 – Doc Rivers (Philadelphia 76ers)

Após uma longa passagem pelo Los Angeles Clippers, Doc Rivers foi para o Philadelphia 76ers. Na Conferência Leste, Doc tenta repetir a mesma performance que teve no comando do Boston Celtics onde se consagrou campeão da temporada 2007/2008.

O salário aproximado que ele recebe por temporada para dirigir o 76ers é de U$ 8 milhões.

  • Idade: 59 anos
  • Período como treinador: 22 anos
  • Última equipe: Los Angeles Clippers

4 – Ty Lue (Los Angeles Clippers)

Ty Lue está em seu segundo ano pelo Los Angeles Clippers. Sua temporada de estreia no time de L.A. foi como auxiliar de Doc Rivers. Com a saída do veterano treinador, Ty Lue assumiu o cargo principal com um contrato de 5 anos.

Para exercer a função, Ty Lue recebe aproximadamente U$ 7 milhões por temporada e sua principal missão é repetir a performance que ele tive quando dirigiu o Cleveland Cavaliers e se consagrou campeão.

  • Idade: 44 anos
  • Período como treinador: 5 anos
  • Última equipe: Cleveland Cavaliers

5 – Scott Brooks (Washington Wizards)

O time do Washington Wizards é a segunda experiência de Scott Brooks como treinador. Ele está no comando da franquia da capital dos EUA desde 2016 e teve a sua disposição nos primeiros anos equipes competitivas e que contavam com jovens aspirantes a estrelas: John Wall e Bradley Beal. Lesões e falta de uma equipe de apoio atrapalharam os planos do treinador e, agora, com Russell Westbrook ele tem a difícil tarefa de conduzir o time para a segunda rodada dos playoffs.

Para o trabalho que exerce, Brooks recebe um salário anual de aproximadamente U$7 milhões de dólares.

  • Idade: 56 anos
  • Período como treinador: 12 anos
  • Última equipe: Oklahoma City Thunder

Flavio Carvalho
Torcedor do LA Clippers. Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.