fbpx
Connect with us

O voo turbulento do Warriors na temporada 2019-20

Warriors 2019-20

Artigos

O voo turbulento do Warriors na temporada 2019-20

A temporada 2019-20 do Golden State Warriors, que chegou à metade no confronto diante do Memphis Grizzlies no dia 12/01/2020, tem sido totalmente destoante daquilo que era esperado no início da temporada, pelo nível de atuação imposto pela própria franquia na última década de NBA.

Se antes havia apenas especulações quanto a um possível “tank”, hoje a realidade é que a franquia já pensa na próxima temporada. Ou, porque não dizer, nos próximos anos, tendo em vista que o planejamento do GM Bob Myers sempre englobam períodos de médio e longo prazo.

Lesões

O departamento médico do Warriors andou bastante movimentado nesta primeira metade da temporada. Em diversos momentos a equipe teve apenas 10 jogadores aptos para entrar em quadra, com dois ou três sem plenas condições de atuar por mais do que 15 minutos.

Claramente demorou muito para haver qualquer tipo de entrosamento entre os jogadores devido as ausências em inúmeros jogos. Além disso, esse constante “bate-volta” das lesões não tem permitido que jogadores de comprovada qualidade, especialmente Green e Russell, consigam desempenhar o seu melhor jogo.

Atuações

Mesmo diante de todas as adversidades que ocorreram durante essa primeira metade de temporada, a equipe fez alguns jogos bem competitivos e interessantes contra equipes melhores. Entretanto, estes acabaram sendo apenas pontos foras da curva, pois na maioria dos jogos o que se viu foi uma equipe desentrosada, inexperiente, e com suas deficiências técnicas mais acentuadas que suas qualidades.

E muitas vezes, quando a equipe até fazia bons jogos, a vitória acabou não acontecendo por clara falta de experiência (é o elenco mais jovem da liga, com média de 23 anos) ou pela necessidade de talento para uma jogada diferenciada.

Jogadores e destaques

Dos jogadores adquiridos para esta temporada, claramente o maior destaque foi D’angelo Russell. O jovem armador, todas as vezes que esteve disponível, mostrou que é realmente um talento diferenciado e pode agregar demais para a franquia num futuro próximo.

Eric Paschall, que começou a temporada em alta, teve uma acentuada queda de rendimento nos 10 últimos jogos devido uma lesão no quadril. Mas, aos poucos, parece que tem retornado ao seu melhor nível. Já o ala-pivô Spellman, o armador Bowman e o ala Damion Lee, que começaram a temporada em baixa, vem ganhando destaque à medida que tem tido mais minutos em quadra. Outros jogadores como Robinson e Poole oscilaram demais até aqui na temporada, alternando bons e péssimos momentos.

Dos veteranos, o maior destaque tem sido Alec Burks, disparado o jogador mais regular da equipe nesta temporada. Já Draymond Green tem tido uma temporada de oscilações, sofrendo bastante com lesões e tentando, na medida do possível, ser o líder técnico da equipe.

Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial do Bskt Brasil.

Mais Artigos

Publicidade

Destaques da Semana

Publicidade
To Top