fbpx
Connect with us

Dejounte Murray, a cara da nova geração do Spurs

Murray nova geração Spurs

Artigos

Dejounte Murray, a cara da nova geração do Spurs

Na última segunda-feira (21/10), dois dias antes da estreia, o San Antonio Spurs e Dejounte Murray chegaram a um acordo de extensão de contrato de 64 milhões de dólares por quatro anos.

Assim, o armador de apenas 23 anos passa a ter contrato garantido até 2024 com o Spurs. E Murray é a cara da nova geração do Spurs.

O San Antonio hoje é comandado por dois veteranos. DeRozan (30 anos) que vai para a sua 11ª temporada na NBA, enquanto Aldridge (34 anos) vai para a 14°.

Por outro lado, jogadores mais jovens ocupam cada vez mais espaços na rotação de Popovich, conhecido por priorizar jogadores experientes.

Bryn Forbes (26 anos, 4° ano na NBA), por exemplo, vem para sua segunda temporada como titular absoluto e já é um dos pontuadores mais consistentes do elenco.

Além dele, nomes como White (25 anos, 3° ano na NBA), que fez um ótimo playoff e representou a seleção estadunidense na Copa do Mundo, Lyles (23 anos, 5° ano na NBA), foi titular na estreia, além de Lonnie Walker (20 anos, 2° ano na NBA) e Pöltl (24 anos, 4° ano na NBA) também estão se tornando peças cada vez mais importantes.

E dentre os jovens, Dejounte Murray é o favorito para assumir a liderança.

O armador, que foi draftado em 2016 (29ª escolha), passou um ano na G-League e ainda foi a terceira opção do banco antes de substituir Tony Parker como armador titular. Hoje, mesmo após um ano parado por conta de lesão, é o dono incontestável da posição.

Dois dias depois da extensão contratual, o Spurs estreou com vitória sobre o Knicks (NY 111-120 SA) e o destaque foi Murray.

Em apenas 23 minutos em quadra, a jovem promessa do San Antonio contribuiu com 18 pontos, 8 rebotes, 6 assistências, além de 3 roubos de bola em 70% de aproveitamento nos arremessos. Tudo isso em sua primeira partida oficial depois de um ano parado por conta de lesão.

Dono de uma envergadura invejável (2,08 m) ele é defensivamente técnico e intenso, Murray, é o jogador mais jovem da história a fazer parte de um Time Defensivo Ideal (2018), colocando o seu nome entre os melhores da posição.

Ofensivamente, vem mostrando uma constante melhora. Já é um grande pontuador de transição, sabe armar o jogo, infiltra bem e agora vem adicionando arremessos consistentes tanto de média quanto de longa distância.

Os anos de experiência no sistema de Popovich, aliado ao alto QI de basquete e à citada habilidade dos dois lados da quadra, conferem a Murray alguns dos principais requisitos para assumir o papel de liderança da nova “Era do San Antonio Spurs“.

Mas será que ele será capaz de evoluir o suficiente nos próximos dois anos para assumir as rédeas de uma das franquias mais vitoriosas da NBA?

Nós temos acreditado que sim. Mas, só o tempo dirá se Murray será a cara da nova geração do Spurs.

Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a linha editorial do Bskt Brasil.

Mais Artigos

Publicidade

Destaques da Semana

Publicidade
To Top